O que pode acontecer com seu filho se você der muito dinheiro a ele  

            Devido à sociedade consumista dos dias de hoje, os pais devem ensinar desde cedo para seus filhos a importância de lidar e administrar o dinheiro e reconhecer os valores das coisas, para que eles entendam até onde vai o limite para poder gastar.

            Além do valor dos brinquedos e das roupas, é importante que os pais expliquem para a criança que tudo tem um preço dentro de casa, como a conta de água, luz, supermercado e telefone. Assim, ele poderá compreender mais facilmente os gastos da família.

Ensinando seus filhos desde pequenos a aprender que o dinheiro deve ser usado de maneira controlada, você estará preparando ele para lidar com a gestão das suas próprias economias.

Como ensinar seu filho a lidar com o dinheiro

 

            Uma das tarefas mais difíceis para os pais é educar o seu filho em relação ao dinheiro. Para ele tudo cai do céu e parecer ser fácil de adquirir, entretanto, se desde cedo for ensinado a eles a importância de saber o valor das coisas, mais facilmente ele irá compreender o que é prioridade.

            Com isso, outra forma de educar as crianças é não dar mesada muito alta, em que a criança não tenha nem condição de administrar esse valor. O importante é ensiná-la a poupar e ter uma relação saudável com o dinheiro.

            Confira algumas dicas de como você pode ajudar seu filho ter uma educação financeira correta, sem que isso lhe traga problemas:

  • Dê mesada: a mesada é uma forma de ensinar a criança a lidar e administrar os seus gastos. Dessa forma, quando receber seu primeiro salário, ela não ficará sem saber o que fazer.

  • Ensine a criança a anotar seus gastos: fazer a gestão da mesada é importante para que a criança possa ver o quanto gastou e o quanto economizou.

  • Incentive a ter objetivos: se seu filho quer comprar uma bicicleta, ensine-o a poupar para conseguir alcançar esse desejo e deixe que ela pague por ele.

  • Estimule a poupança: é uma maneira das crianças economizarem e ter uma quantia reservada para fazer suas vontades é importante.

  • Ensine a importância do consumo consciente: ensinar as crianças a comprarem, se é realmente importante ela ter determinado brinquedo ou não. Além disso, passe a eles a importância de economizar os recursos naturais para o futuro.

  • Dê o exemplo: os pais também precisam ser controlar nas compras para não passar aos filhos a imagem de um consumidor compulsivo. Assim, compre somente o necessário.

  • Cuidado com o shopping: dê preferência a lugares mais educativos, como parques, teatros e passeios ao ar livre. O shopping é o local propício para o consumismo.

  • Ir ao supermercado pode ser uma boa aula: no supermercado a criança pode ter uma boa aula de economia, em que ele irá aprender a escolher os produtos em promoção e os alimentos mais baratos.

  • Ensine a generosidade: junto com seu filho você pode ensiná-lo a fazer doações de roupas e brinquedos que ele não utiliza mais, fazendo uma boa ação.

  • Dê tempo em vez de presentes: o tempo com seu filho vale muito mais do que a troca da companhia por presentes, lembre-se sempre desses valores.

  • Respeite o valor das coisas: ensine a criança a não ser displicente em suas compras, seja com comida, roupas e brinquedos.

  • Não diga que quem economiza é pão-duro: ensinar a criança que economizar e guardar uma parte da mesada é muito importante para o seu futuro e irá ajudá-lo a administrar melhor suas economias.

  • Ensine a moderação: consumir com moderação deve ser passado para a criança na forma de deixar claro que os recursos naturais precisam ser suficientes para todos.

  • Guardar dinheiro é hábito: poupança ou cofrinho vão ajudar a criança a ter o hábito de economizar para a realização dos sonhos.

  • Ensine limites: a criança precisar escutar o não e entender que ele é preciso, para saber ter o que realmente precisa nas horas certas.

  • Não gaste mais do que ganha: altas mesadas e um padrão de vida acima do que a família está acostumada não irão fazer bem para a educação financeira do seu filho.

            Com essas dicas você poderá contribuir muito mais com a educação financeira do seu filho, sem precisar dar muito dinheiro a ele, já que a criança irá aprender com administrar os seus gastos.

 

Compartilhe:

Postagens Relacionadas

Ensinar as crianças a evitarem gastos desnecessários  

            Para que vocês pais façam um bom trabalho de educação financeira com...

Invista no conhecimento do seu filho  

            Quando os pais pensam na educação do seu filho, automaticamente já pensam...

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado. Required fields are marked *

Comentar *

Nome *

Email *

Website *